Janeiro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

mais do elefante

> mail
> loja etsy
> flickr
> pinterest
> instagram
> facebook

posts recentes

44/52

43/52

42/52

41/52

40/52

39/52

38/52

37/52

36/52

35/52

34/52

33/52

32/52

31/52

30/52

29/52

28/52

27/52

26/52

25/52

arquivos

categorias

10on10(15)

14(3)

52 project(49)

52 project14(53)

52 project15(44)

afonso(8)

andar por aí(29)

animação(2)

aniversários(6)

aveiro(5)

azulejo(3)

bloganiversário(14)

brinquedos(2)

c2(4)

carteiras(106)

casa(9)

cinema(10)

coisas(11)

coisas que gosto(36)

comida(26)

crafty(224)

decoração(6)

desenhos(5)

design(32)

disponível/available(4)

edgar(67)

elefante noutro lado(7)

em loja(16)

etsy(67)

exposição(3)

fashion(21)

férias(36)

festa(6)

fita métrica(118)

floral pins(9)

fotografia(3)

giveaway(2)

gocco(7)

gravidez(8)

gravidez02(6)

ilustração(8)

jaime(139)

kids(28)

linha de metros(196)

links(15)

livros(2)

lojas(13)

loopooloo(3)

measuring tape(106)

meter tree(38)

música(13)

natal(5)

note to self(4)

open tabs(5)

os nossos gatos(2)

patrocinado(2)

pins(21)

prendas(12)

quilt(1)

referendo(2)

sim(2)

sm12(3)

snail mail(4)

sorteio(8)

tape measure(106)

técnicos(20)

trabalho(10)

tricot(4)

vendido/sold(76)

vida(87)

todas as tags

pesquisar

 
Terça-feira, 22 de Janeiro de 2013

150

 

150 dias!... É quanto tempo tem uma licença de maternidade (já esticada!!) cá em Portugal.

A minha acabou ontem!

Já? O.o

E parece que começou ontem.

150 dias nem 5 meses são, caramba... A OMS recomenda amamentar em exclusivo até aos 6 meses, ora isto faz com que as mães que o queiram fazer, e que são obrigadas a regressar ao trabalho, se tornem reféns da bomba. Ai quem me dera ser norueguesa...

Não estou a deprimir como da outra vez... No meio de já muito drama, sinto-me uma afortunada. Felizmente, pude optar por pedir uma licença sem vencimento e posso ficar mais uns tempos com o Edgar, para o amamentar em exclusivo até aos 6 meses e para lhe dar as primeiras sopas. E para aproveitar mais um bocadinho o meu bebé porque, a bem dizer, por cá, quem se consola são as educadoras/auxiliares.

A verdade é que, a licença sem vencimento, não foi bem uma opção mas sim uma imposição ditada pelas novas regras da fct aos bolseiros de doutoramento. Mas, passando agora a parte do drama à frente, até veio a calhar! 

Começa uma nova ginástica financeira, acaba uma etapa e começa outra... aos pouquinhos... que esta, agora,  já não será só de puro prazer mas de muito trabalho árduo.

Que a força esteja comigo!! ;)

categorias: ,
miriam às 23:16
permalink | comentar
1 comentário:
De Ana a 23 de Janeiro de 2013 às 00:30
Força aí, Miriam! Beijinhos. :)

(Nos EUA a licença é de um mês...)

comentar post









as imagens que aparecem neste blog são da minha exclusiva propriedade não podendo ser utilizadas noutros sítios sem autorização prévia. todas as imagens que não me pertençam têm a respectiva referência.
Follow on Bloglovin